quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Dona Hilda Batista - Foto da Sua Juventude

Fatos e Fotos que Fizeram a História de Esperança

Dona Hilda Batista (Foto de sua Juventude)


                                     

Dona Hilda Batista e seu Irmão Silvestre Batista em Momento de Confraternização em sua Residencia

                                         Eis duas das fotos interessantes que ficaram na memória, não somente de seus familiares, mas na de todos os esperancenses que os conheciam. Dona Hilda, na foto acima, (preto e branco), em pleno vigor de sua juventude. Dedicou sua vida à realização de solenidades, festas sociais, tendo uma intensa participação na vida social de Esperança, principalmente, junto à juventude, formando grupos de Escola Cantorio, programando inesquecíveis festas nos clubes de Esperança, organizando desfiles de misses, com o fim de escolher a moça mais bonita da cidade.

                                        Pertencia à ilustre família Costa, família essa constituída de membros importantes, cujas pessoas tomaram outros destinos profissionais, em outras cidades e Estados diversos. Na  segunda foto, em momento de confraternização em sua residencia, abraçando o seu irmão Sivestre Batista (ambos saudosas memórias). Em pleno vigor, ainda, na sua melhor idade, gostava de participar de eventos da Igreja Católica. Nos finais de ano, justamente na Festa da padroeira, por diversas vezes, organizava o Pavilhão da Festa. Era incansável nos seus empreendimentos. Tinha o dom de fazer amizades.

                                        Já na maturidade, casou com Martinho Soares, pessoa queridíssima no meio social de Esperança, de cuja união matrimonial, surgiu o único filho, Martinho Soares Junior, hoje, professor de historia nas escolas estaduais desta cidade. Destas duas pessoas guardo lembranças infindas.


                                            

6 comentários:

  1. Ilmo. Dr. João,

    De fato, duas pessoas da melhor estirpe. Hilda Batista, empreendedora da Escola Cantório; Silvestre Batista, proprietário da Alfaiataria Pernambucana. Ambos deixaram muita saudade no seio dos seus familiares e, com certeza, fazem muita falta a nossa sociedade.
    Martinho Soares, atleta e ex-funcionário da CIDAGRO; um exemplo de cidadão e pai de família. Lembrar essas pessoas que tanto engrandeceram o nosso torrão, é REVIVER A ESPERANÇA adormecida em todos nós.

    Att.

    Rau Ferreira
    Blog HE

    ResponderExcluir
  2. Muito oportuno o seu comentário. Agradeço a sua participação no meu Blog. Em breve estarei narrando alguma coisa sobre Silvestre Batista e sua familia.

    ResponderExcluir
  3. Dr. João Batista Bastos,agora mesmo estou relendo este artigo,muito agradecido por suas palavras e pelo seu trabalho da história social e cultural da nossa cidade!!!

    ResponderExcluir
  4. Meus estimados, tia Hilda Batista com o esposo Martinho Doares e tioSivestre Batista. Fico muito feliz de ter estas pessoas maravilhosas, que muito me ensinaram na dinãmica da vida, para um mundo melhor. Não esqueço-os, e faço reverência de respeito, na minha saudade guardade de felicidade por ter a graça do convívio com uma Esperança documentada em três pessoas que me ensinaram a ser.

    ResponderExcluir
  5. Meus estimados, tia Hilda Batista com o esposo Martinho Doares e tioSivestre Batista. Fico muito feliz de ter estas pessoas maravilhosas, que muito me ensinaram na dinãmica da vida, para um mundo melhor. Não esqueço-os, e faço reverência de respeito, na minha saudade guardade de felicidade por ter a graça do convívio com uma Esperança documentada em três pessoas que me ensinaram a ser.

    ResponderExcluir