terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Esperança, 90 Anos de Sua Emancipação Política.

Fatos e Fotos Que Fizeram a História de Esperança
 Primeiras Autoridades do Municipio de Esperança - de pé, Coronel Elizio Sobreira e Inácio Rodrigues. Sentados, Manoel Rodrigues e Teotonio Tertuliano da Costa
Casa Residencial do Primeiro Prefeito de Esperança

Esperança, nesta data, 1º de Dezembro de 2015, completa 90 anos de emancipação política. A data é histórica e significativa para o municipio. Hoje, terça-feira é feriado municipal, instituído por lei municipal. Essa Lei só passou a existir, na década de 60, quando o gestor era Luiz Martins de Oliveira.

Tudo aconteceu muito lentamente. O Primeiro prefeito, Manoel Rodrigues de Oliveira só tomou posse no dia 31 de dezembro de 1925, juntamente com o vice-prefeito Teotônio Tertuliano da Costa. Isso nos faz entender que a data é alusiva ao ato governamental, oficializando a emancipação do município, que era pertencente a Alagoa Nova.

Não significa dizer que, pelo fato de ter sido emancipado o nosso município, em 1º de dezembro de 1925, a administração municipal começo efetivamente naquela mesma data. Como tudo era mais difícil, em termos de tecnologia, para aparelhamento da máquina administrativa, Esperança continuou se espelhando pelo município de Alagoa Nova, principalmente, no que tange às contas públicas, isto é, o balancete e, pouco tempo depois, o prefeito assinou decreto, determinado que as prestações de contas do município fossem regidas pelas de João Pessoa, posso dizer melhor, copiadas do sistema da capital.

Assim, o município, lentamente, foi tomando rédea. Só no começo da década de 40, passou a ter feição de cidade independente, na prática.

Vejamos como os atos administrativos eram lentos, demorados: Dois anos depois, no ano de 1927, foi criada a primeira escola noturna. O prédio da prefeitura foi inaugurado em 07 de setembro de 1937, já sob o comando da segunda gestão, com o Sr. Tetônio Tertuliano da Costa. O primeiro reservatório de água do município foi inaugurado pelo então Interventor Federal, Ruy Carneiro, no ano de 1941.(Reservatório 16 de Agosto); A primeira Escola Pública Estadual, Grupo Escolar Irineu Joffily, foi inaugurado na segunda metade da década de 30. A primeira praça da cidade foi inaugurada na década de 40 ( Praça Getulio Vargas). A energia elétrica em 1959,  o primeiro hospital-maternidade, em 1960, o saneamento de água, o sistema de telefonia, estrada asfaltada, no começo da década de 70.

Hoje, Esperança é um município que polariza uma região, tem um comercio desenvolvido, industria, dezenas de escolas municipais, é sede de um Pelotão da Policia Militar, além de contar com cinco bairros e três Distritos, com uma população de mais de 31 mil habitantes.



Um comentário:

  1. Oi, tudo bem? Em breve ALINE irá publicar suas previsões para 2016, enquanto isso veja o que ela disse para 2015. https://youtu.be/zpBLhowwYcU - #previsões2016

    ResponderExcluir